Navios de guerra russos partem para a Venezuela para manobras conjuntas

Uma frota de navios de guerra russos partiu de sua base no Ártico nesta segunda-feira com destino a Venezuela, onde as embarcações participarão em manobras conjuntas sem precedentes desde o fim da Guerra Fria, consideradas um desafio aos Estados Unidos.

AFP |

"Partiram às 10H00 locais (3H00 de Brasília). São o cruzeiro de propulsão nuclear 'Pedro o Grande', o navio antisubmarinos 'Almirante Chebanenko' e outros navios de acompanhamento", declarou à AFP o porta-voz da Maringa russa, Igor Digalo.

dt/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG