Navios americanos podem ser alvejados se Irã for atacado, diz militar

Teerã, 30 nov (EFE) - Um alto comandante militar do Irã advertiu hoje de que os navios de guerra do inimigo podem ser um alvo para as forças iranianas em uma primeira reação perante um possível ataque, segundo a agência de notícias Fars.

EFE |

"Os navios de guerra pesados em mares fechados ou mares com uma costa muito grande são considerados um ponto fraco grande do inimigo", disse o comandante do Exército iraniano, general Ataollah Salehi, em declarações à "Fars".

O militar iraniano se referia desta forma aos navios americanos desdobrados nas águas do Golfo Pérsico.

Além disso, Salehi disse que o Exército de seu país detectou e escolheu minuciosamente os pontos fracos de seu inimigo.

O general acrescentou que, em breve, a Força Aérea iraniana receberá seus caças-bombardeiros, projetados e fabricados por especialistas do próprio Irã e que serão apresentados em abril.

Estas declarações são divulgadas três dias depois de a Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) e as potências ocidentais pedirem ao Irã que coopere mais e ofereça toda a transparência possível para esclarecer as dúvidas sobre seu polêmico programa nuclear.

Enquanto Estados Unidos e União Européia (UE) temem que o Irã use seus conhecimentos do enriquecimento de urânio para fins militares, Teerã assegura que tem apenas intenções pacíficas, como geração de energia elétrica e aplicações medicinais. EFE msh/wr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG