Navio humanitário com destino a Gaza volta ao Chipre devido a uma avaria

Nicósia, 12 jan (EFE).- O navio Arion do movimento pacifista Free Gaza, que pretendia levar ajuda humanitária à Faixa de Gaza, teve que interromper hoje sua missão após sofrer uma avaria, horas depois de zarpar do porto cipriota de Larnaca.

EFE |

Segundo informaram à Agência Efe fontes da Polícia do Chipre, o navio, com 35 passageiros a bordo, deve ancorar no porto cipriota ainda esta tarde.

A embarcação teve que interromper sua viagem após a tripulação detectar uma infiltração de água na zona do motor. O navio estava a três milhas náuticas do litoral cipriota, aonde será rebocado por outra embarcação.

Por enquanto, não se sabe a data de uma nova saída do navio, já que a avaria pode ter certa gravidade e serão necessários vários dias para consertá-la.

No "Arion", que navega sob bandeira grega, viajam médicos, jornalistas e observadores de direitos humanos de vários países ocidentais. EFE fl/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG