Bruxelas - O navio belga Pompei foi sequestrado hoje com dez tripulantes a bordo em frente à costa leste africana, confirmou o Governo federal em comunicado.

A embarcação tinha sido dada como desaparecida, após emitir um pedido de socorro à meia-noite e meia (de Brasília).

"Apesar das muitas tentativas, não foi possível estabelecer qualquer contato até o momento com o navio. Os canais diplomáticos e militares tentam lidar com esta situação", assegurou o Executivo belga em uma nota.

Vários integrantes do Governo, entre eles o primeiro-ministro, Herman van Rompuy, estão reunidos no Ministério do Interior para analisar a situação.

O "Pompei", propriedade da sociedade TV Pompei, tinha como destino as ilhas Seychelles e levava a bordo dez tripulantes, entre eles alguns de nacionalidade belga.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.