Sobrecarga na embarcação pode ter contribuído para o acidente, segundo testemunhas

Parentes de vítimas sentam na margem de rio após balsa que levava estudantes naufragar
AP
Parentes de vítimas sentam na margem de rio após balsa que levava estudantes naufragar
Onze pessoas morreram e outras 16 ficaram feridas no naufrágio de uma balsa em um rio da província chinesa de Hunan, informaram autoridades locais neste sábado (10).

Nove estudantes de escolas primária e secundária de Tangtianshi e dois adultos morreram afogados depois que a balsa, que carregava pelo menos 43 passageiros, em sua maioria alunos que voltavam para a casa do Festa do Outono - tradicional no calendário chinês -, virou na tarde de sexta feira, disse um oficial.

As equipes de resgate ainda tentam localizar três passageiros, na comarca de Shaoyang, enquanto as autoridades locais mantêm sob custódia os dois proprietários da embarcação.

A balsa naufragou no rio Fuyi a 250 quilômetros ao sul da capital provincial, Changsha, quando virou após acidente com cabos de aço de outra embarcação.

Treze passageiros conseguiram nadar e escapar ilesos do acidente. O barco tinha sido alugado pelas escolas para que os alunos pudessem atravessar o rio e celebrassem a festividade com seus familiares.

As autoridades policiais iniciaram uma investigação para esclarecer as causas do acidente, embora testemunhas tenham indicado que a sobrecarga pode ter contribuído para o acidente.

* Com AP e EFE

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.