Balsa afundou no rio Meghna, no sul do país, com mais de 200 pessoas a bordo após colidir com barco de carga

Uma balsa com cerca de 200 pessoas a bordo naufragou em um rio no sul de Bangladesh nesta terça-feira, deixando 31 mortos e dezenas de desaparecidos, disseram autoridades.

Resgatistas recuperam corpo de vítimas de acidente de balsa no rio Meghna, Bangladesh
AP
Resgatistas recuperam corpo de vítimas de acidente de balsa no rio Meghna, Bangladesh
O chefe de polícia local Mohammad Shahabuddin Khan disse que 35 foram resgatadados depois de a balsa MV Shariatpur-1 naufragar no Rio Meghna após colidir com um barco de carga no início da manhã quando se dirigia à capital do país, Daca. Mergulhadores resgataram 31 corpos de dentro da embarcação.

Leia também: Cruzeiro italiano pega fogo e fica à deriva no Oceano Índico

Outro caso: Navio Costa Concordia naufraga e deixa mortos na Itália

"O número de mortos provavelmente aumentará já que há temores de que haja mais corpos presos na balsa", disse Khan. "Teremos uma informação melhor sobre o número de vítimas assim que a embarcação for retirada da água."

A polícia abriu uma investigação enquanto prosseguem os trabalhos de resgate no rio. O transporte fluvial é primordial para a economia de Bangladesh, um país sulcado por grandes rios e canais cuja superfície se encontra quase ao nível do mar.

O mal estado dos navios e as insuficientes medidas de segurança são motivo frequente de acidentes: segundo dados da Autoridade Nacional de Transporte de Águas Fluviais em Bangladesh, 4.047 pessoas morreram em 396 sinistros nos rios entre 1977 e 2010.

*Com AP e EFE

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.