Pelo menos 35 emigrantes ilegais morreram afogados no naufrágio da embarcação em que estavam no Golfo de Aden, informou nesta quinta-feira um alto comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR).

A embarcação, que transportava cerca de 117 pessoas, naufragou quarta-feira em frente às costas da região de Abyan (250 km a leste de Aden), destacou o comunicado da ACNUR.

"O navio saiu da costa somali, perto de Bossasso, segunda-feira", continuou. "Foram recuperados 35 corpos. Talvez outros passageiros ainda cheguem à costa", acrescentou a fonte.

dro/lm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.