Naufrágio de barco da guarda-costeira deixa 1 morto no Mar Amarelo

Seul, 3 abr (EFE).- Um guarda-costeira sul-coreano morreu e outros oito estão desaparecidos no naufrágio de um barco nas águas do Mar Amarelo (Mar Ocidental), onde tentava esclarecer as causas do afundamento, há uma semana, de uma embarcação de guerra da Coreia do Sul, informou hoje a agência Yonhap.

EFE |

O corpo de um dos guardas-costeira foi achado perto da ilha de Daecheong, em águas próximas à fronteira marítima com a Coreia do Norte e na região onde há uma semana o navio "Cheonan", de 1.200 toneladas, naufragou por motivos ainda desconhecidos.

Vários helicópteros e botes-patrulha se deslocaram para o local com o objetivo de tentar encontrar os outros oito desaparecidos do barco da Guarda Costeira.

Segundo as primeiras investigações, a embarcação poderia ter batido com outro barco antes de afundar, o que levou as autoridades sul-coreanas a reter um pesqueiro de bandeira cambojana em relação ao fato, informa a "Yonhap". EFE ce-mic/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG