Natalia Estemirova é enterrada em sua aldeia natal na Chechênia

Moscou, 16 jul (EFE).- A ativista e jornalista russa Natalia Estemirova foi enterrada hoje em sua aldeia natal na Chechênia, segundo as tradições muçulmanas.

EFE |

O corpo de Natalia, sequestrada e assassinada ontem com vários disparos na cabeça e no peito, foi submetida ao ritual de abulação (lavagem), antes do pôr-do-sol e foi enterrada no túmulo ao lado do de seu pai, segundo a emissora de rádio "Eco de Moscou".

Horas antes, o corpo da ativista foi transportado em procissão pela Avenida Putin e pelo Parque dos Jornalistas, até a principal mesquita da capital, Grozni.

Na cerimônia de despedida, que transcorreu em silêncio e sem discursos oficiais, participaram mais de 100 pessoas, principalmente jornalistas e ativistas.

Segundo as agências russas, algumas das pessoas que foram ao enterro levaram cartazes com mensagens como "Quem será o próximo?", em alusão ao risco que os ativistas que defendem os direitos humanos na instável região do Cáucaso sofrem.

Em Moscou, ativistas e opositores se concentraram no centro da cidade em tributo a Natalia e para criticar as autoridades por sua ausência ao garantir a proteção de seus colegas.

Vários cartazes na manifestação diziam "Morreu outro mártir" e "Só miseráveis covardes assassinam mulheres". A concentração foi realizada na Praça de Pushkin, no centro da cidade, que foi isolada pela Polícia.

A organização russa de direitos humanos Memorial, para a qual Natalia trabalhava, responsabilizou o presidente da Chechênia, Ramzan Kadyrov, por seu assassinato.

O diretor da organização, Oleg Orlov, assegurou que "Ramzan tinha ameaçado Natalia e a considerava sua inimiga pessoal. Não sabemos se ele mesmo ordenou (o assassinato) ou se seus subordinados a mataram para ganhar sua admiração".

No entanto, Kadyrov afirmou que os autores do assassinato tentavam desestabilizar a situação na república e assegurou que os corpos de seguranças farão de tudo para esclarecer o crime. EFE io/pd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG