Nasce o 1º panda por inseminação artificial desde 1988 no Japão

Tóquio, 28 ago (EFE).- Uma ursa panda gigante do zôo de Kobe (sudoeste) deu à luz na terça-feira o primeiro panda gigante concebido por inseminação artificial desde 1988 no Japão, informa hoje o diário The Japan Times.

EFE |

A ursa mãe, Dan Dan, deu à luz na terça-feira Oji Zoo, de cem gramas de peso e 25 centímetros, e cujo sexo ainda se desconhece.

Dan Dan foi inseminada artificialmente com sêmen de seu companheiro, o urso Xing Xing, ambos de 12 anos, com a ajuda de dois especialistas chineses da província de Sichuan (centro), onde se encontra o habitat natural dos ursos panda.

O último nascimento por este método aconteceu no zôo de Ueno, em Tóquio, em 1988, e desde então nasceram outros ursos panda, mas concebidos de maneira natural.

O diretor do zôo de Kobe, Osamu Ishikawa, disse que se sentiu "aliviado" com o fato de filhote nascer "saudável", e acrescentou que controlarão tanto o recém-nascido como sua mãe 24 horas por dia "para comprovar se a mãe pode cuidar do bebê". EFE cej/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG