Nasa perde comunicação com robô atolado em Marte

O robô Spirit não conseguiu fazer a comunicação prevista para essa semana com a Nasa (Agência Espacial Americana). Acredita-se que o envelhecido e atolado desbravador marciano tenha entrado em hibernação para sobreviver ao inverno do Planeta Vermelho. A previsão era de que ele se comunicasse com a sonda Odyssey na terça-feira (30).

iG São Paulo |

"Nós estamos verificando outras possibilidades menos prováveis para a comunicação perdida, mas isso provavelmente indica que o Spirit teve uma falha de potência entre o dia 22 de março e a última terça-feira (30)", explica o gerente de projeto John Callas.

Operando em Marte desde 2004, o robô sobreviveu a invernos anteriores posicionando seus painíes solares na direção do sol. Porém ele está atolado na areia há quase um ano terrestre e com duas de suas seis rodas quebradas. Em janeiro deste ano a Nasa decidiu usá-lo como uma estação científica fixa .


Em janeiro a Nasa decidiu usar o robô como uma estação
científica fixa (Imagem/Nasa)


A quantidade de luz solar que chega a seus painéis solares está diminuindo. De acordo com Callas, as conexões feitas com o Spirit recentemente mostram que a carga da bateria está menor.

O modo de hibernação suspende a comunicação e outras atividades para que a energia possa ir para o aquecimento e para a recarga da bateria. O Spirit foi projetado para acordar quando a bateria tiver carga suficiente e se comunicar dentro do cronograma.

"A expectativa é que o Spirit retome a comunicação assim que suas baterias tiverem carga suficiente", afirma Callas.

De acordo com a Nasa, as próximas semanas ficarão mais frias do que nunca, desde o pouso do robô em 2004. Apesar da baixa temperatura, os graus não devem ser superiores aos que o Spirit foi projetado para resistir, mas sua idade aumenta a incerteza de sobrevivência.

Spirit e seu gêmeo, Opportunity, foram lançados separadamente da Terra em 2003 e desembarcaram em lados opostos de Marte em janeiro de 2004 para o que estava previsto ser uma missão de três meses. O Opportunity continua a trajetória no planeta.

Leia mais sobre: Marte

    Leia tudo sobre: martenasaspirit

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG