Nasa estuda mudar rumo da ISS para evitar colisão com lixo espacial

Moscou, 16 mar (EFE).- A Nasa (agência espacial americana) pensa em modificar o rumo da Estação Espacial Internacional (ISS) para tirá-la da rota de destroços procedentes de um satélite soviético abandonado, informaram hoje fontes russas.

EFE |

Caso o rumo da plataforma orbital seja modificado, a mudança seria mínima e seria realizada antes da chegada da nave "Discovery", que se acoplará à ISS nesta terça-feira, segundo informa a agência oficial russa "Itar-Tass".

Aparentemente, o pequeno fragmento do satélite soviético "Kosmos" que se desintegrou após ser lançado, em 1981, deveria passar perto da ISS nas próximas horas.

Se a trajetória da estação for alterada, também seria preciso mudar o rumo da nave, que, durante sua missão de quase duas semanas, deve concluir a instalação de painéis solares na ISS.

A decisão definitiva, que dependerá também do rumo do fragmento de lixo espacial, será tomada pela Nasa nas próximas horas.

No dia 12, os três tripulantes da Estação Espacial Internacional tiveram que se refugiar por dez minutos em uma nave russa "Soyuz" encostada à plataforma orbital devido ao risco de choque com restos de um satélite abandonado. EFE io/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG