Nasa adia missão do ônibus para reparar telescópio espacial Hubble

A próxima e última missão do ônibus espacial norte-americano para o conserto e manutenção do Hubble, primeiro telescópio espacial, inicialmente prevista para 28 de agosto, foi adiada entre quatro e cinco semanas, informou nesta quinta-feira a Nasa.

AFP |

"Não podemos respeitar o calendário previsto devido a mudanças na produção dos tanques externos (...) o que atrasará em quatro a cinco semanas a data do lançamento" do ônibus espacial para consertar e preparar o Hubble, explicou John Shannon, responsável pelo programa.

A missão para o Hubble -que se encontra a cerca de 600 quilômetros de altura- é muito particular porque é necessário que uma segunda nave de resgate esteja pronta para ser lançada.

Para isso, a Nasa deve produzir dois tanques de combustível externos simultaneamente, algo complicado e que requer tempo.

Em caso de problemas sérios na missão de reparação do Hubble, o ônibus espacial estaria longe demais da Estação Espacial Internacional (ISS) para poder se acoplar e permitir que sua tripulação de sete astronautas espere por ajuda em situação segura.

Então seria preciso lançar outra nave muito rapidamente para socorrê-los.

"Creio que a data final de lançamento da nave espacial para manutenção do Hubble será anunciada este mês", explicou Shannon.

js/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG