Paris, 17 jun (EFE).- O Museu de Artes Decorativas de Paris abre hoje ao público sua exposição de verão, este ano dedicada ao mestre da moda italiana Valentino Garavani, de 76 anos, que, após 48 costurando para estrelas de Hollywood e algumas das mulheres mais ricas e elegantes do mundo, deixou as passarelas em janeiro.

Intitulada "Valentino - Temas e Variações", a retrospectiva, que ficará em cartaz até 21 de setembro e, ao mesmo tempo, é uma homenagem à arte do famoso estilista, reúne 225 criações clássicas de Valentino e, no lugar de um catálogo, inclui um livro.

A curadora da exposição, Pamela Golbin, dividiu a mostra por temas, para ressaltar ainda mais a contribuição de Valentino para a alta costura francesa e a moda italiana.

Para o coquetel de abertura da retrospectiva, realizado ontem, foram convidados amigos, admiradores e clientes do costureiro, como a modelo alemã Claudia Schiffer, a atriz americana Marisa Berenson e a socialite Carlota Casiraghi, filha de Carolina de Mônaco. EFE lg/sc

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.