Murdoch investirá US$ 100 milhões para abrir canais na Índia

Nova Délhi, 4 ago (EFE) - O magnata da comunicação Rupert Murdoch afirmou nesta segunda-feira que o conglomerado News Corporation investirá US$ 100 milhões durante o próximo ano para abrir seis canais regionais na Índia sob o selo Star TV.

EFE |

Murdoch ampliará, assim, sua rede de televisões na Índia, já que a "Star", que pertence à News Corporation, tem várias cadeias especializadas em esportes, informação e entretenimento, tanto no país quanto em nações asiáticas.

O magnata, de visita na cidade financeira de Mumbai, anunciou também que a empresa Dow Jones (editora do "The Wall Street Journal" e propriedade do conglomerado News Corporation) lançará "um índice Dow Jones India" para acompanhar a evolução das empresas mais importantes do país asiático, segundo a agência "PTI".

"O mundo está mudando economicamente e precisamos de um índice que permita aos investidores tirar proveito destas mudanças", disse Murdoch para justificar a criação deste índice de 30 companhias.

As cinco empresas que lideram a lista são o gigante Reliance Industries, a companhia de informática Infosys, o banco HDFC, a operadora de telefonia celular Bharti Airtel e a construtora Larsen and Toubro.

Murdoch acrescentou que a News Corporation pretende ampliar seu elenco de jornalistas na Índia de 25 a 70, e anunciou que o conglomerado pretende investir em vários âmbitos como o espectro digital de telefonia celular.

O conglomerado de Murdoch inclui a cadeia de televisão "Fox", o portal MySpace e dezenas de jornais em Estados Unidos, Reino Unido e Austrália, entre eles "The Times", "News of the World" e "London Sun". EFE amp/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG