Chuva deixa turistas ilhados em "van do Scooby-Doo" em área cheia de crocodilos

Mochileiros britânicos ficaram encalhados após uma tempestade; resgate chegou ao acampamento junto de paramédicos e policiais por volta das 6h desta terça-feira, retirando os rapazes da área habitada por crocodilos
Foto: Reprodução/ABC News
Mochileiros estacionaram o veículo próximo a um rio e em uma área habitada por crocodilos na segunda-feira à noite

Três mochileiros britânicos viveram aventuras de tirar o fôlego na segunda-feira (5) e terça-feira (6), em um camping na Austrália, depois de ficarem submersos em águas infestadas de crocodilos. Para se salvar dos répteis, os rapazes permaneceram sentados no teto de uma van, cujo tema é o desenho animado " Scooby-Doo ". Felizmente, eles foram resgatados e salvos sem ferimentos. 

Leia também: Em aposta com esposa, pai recebe mais de 1 milhão de likes e chama filho de Goku

De acordo com informações do Serviço de Emergência de Queensland (QFES), os jovens de 20 anos estacionaram o veículo próximo a um rio, em uma área habitada por crocodilos na segunda-feira (5) à noite. Entretanto, após uma grande tempestade, acordaram ilhados, precisando da ajuda de terceiros para chamar os bombeiros.

O resgate

O policial da QFES, Guy Bulmer, foi o primeiro a chegar até o local, e afirma que o incidente ocorreu por descuido dos turistas, uma vez que havia sinalização aos visitantes em relação à presença de animais ferozes na região. “Segundo as investigações, os três foram informados sobre as inundações constantes no camping e sobre os ataques de crocodilo, mas decidiram ficar ali da mesma maneira”, defendeu.

As equipes de resgate chegaram ao acampamento junto de paramédicos e policiais por volta das 6h locais. Os socorristas encontraram os aventureiros encalhados entre o veículo e a costa, e os retiraram da água utilizando um barco inflável.

Leia também: 'Catei do chão', justifica preso após inusitado roubo de 4 toneladas de laranjas

"Nós contatamos a polícia para caso de algum animal surgisse, mas os profissionais foram rápidos e conseguiram retirá-los dali em 45 minutos. Ficamos preocupados, pois geralmente crocodilos são discretos, o que torna tudo mais difícil na hora de identificá-los. Nós também estávamos fazendo muito barulho, não seria surpresa nenhuma se aparecessem do nada”, alegou Bulmer.

Autoridades locais afirmam que precisaram de muita cautela pela água extremamente suja que tomou conta do lugar. Para eles, além dos répteis, excrementos e escombros cortantes podiam machucar não só os viajantes, como toda a equipe.

Leia também: Duas cabeças de uma cobra são flagradas "brigando pelo controle do corpo"; veja

"Os garotos ficaram muito aliviados quando voltaram à terra firme. Eles tiveram uma noite difícil, e precisaram de alguns cuidados por terem sido expostos ao frio . Felizmente, tomaram as medidas corretas e não sofreram nenhum ferimento.  Seria um erro tentar nadar em águas cheias de crocodilos, a situação poderia ter lhes custado a vida”, concluiu o policial.

Link deste artigo: http://ultimosegundo.ig.com.br/mundo/mundo-insolito/2018-02-06/resgate-mochileiros-crocodilos.html