Sabra Bewley foi detida por direção sob a influência de drogas, resistência à prisão, posse de ecstasy para tráfico e destruição de propriedade; leia

A americana de 27 anos foi detida, após dançar em cima de seu carro, por cometer quatro crimes diferentes
Reprodução/Penitenciária do Condado de Washoe via KOLO TV
A americana de 27 anos foi detida, após dançar em cima de seu carro, por cometer quatro crimes diferentes


A americana Sabra Alise Bewley, de 27 anos, deu trabalho aos policiais de Sparks, no estado americano de Nevada. Isso porque, no último sábado, ela dirigiu na contramão, dançou em cima de seu carro e ainda tentou fugir em um patinete infantil.  

Leia também: Polícia procura homem que roubou boneca sexual de R$ 12 mil na Austrália

De acordo com a emissora KOLO TV , Bewley foi denunciada por dirigir seu carro , um Jeep Cherokee, na contramão da Rodovia Pyramid, em Nevada. Os policiais averiguaram a situação e, após a resistência oferecida à abordagem, acabaram encontrando a infratora. 

Após dançar em cima do veículo e tentar fugir da polícia em um patinete infantil, a americana foi detida e levada ao hospital. Mais tarde, as queixas foram prestadas e ela foi presa pelos crimes de direção sob influência de drogas, resistência à prisão, posse de ecstasy para tráfico e destruição de propriedade.

Dança sobre carros

Por mais estranho que possa parecer, esta não foi a primeira vez que alguém foi pego dançando em cima de um veículo . As câmeras de segurança da cidade chinesa de Bengbu, por exemplo, flagraram algumas cenas bizarras no fim de agosto.

Por lá, um  homem foi visto “dançando” em cima de um veículo , que, sem motorista, se movimentava de forma autônoma. Mais tarde, a polícia descobriu que o homem estava bêbado, o que pode "explicar" suas irresponsáveis decisões para aquela noite.

De acordo com o portal  Times of Malta  , o  bêbado  em questão alcançou o topo do veículo por meio do teto solar. Depois de escalar o automóvel, começou a “dançar” em uma espécie de comemoração, o que, segundo os jornais chineses, faz "todo o sentido". Afinal, o homem estaria celebrando, de forma muito inapropriada, um grande acordo de negócios que fechara mais cedo naquele dia.

Leia também: Cliente prepara comida após achar funcionário de lanchonete dormindo na cozinha

Porém, sua celebração durou pouco. Depois de usar um dos pés para controlar o volante, o chinês foi descoberto por policiais. Ele até mesmo entrou no carro e fingiu que nada havia acontecido, mas depois de entrar em uma rua sem saída, não lhe restava nada além de se entregar para as autoridades.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.