Um suíço e sua namorada passaram por momentos de tensão após alguns "vizinhos preocupados" decidirem enviar ameaças para o endereço do casal

Os vizinhos de um suíço confundiram a bandeira do Estado Islâmico com o logo da Jack Daniel's
Reprodução/Ali Express
Os vizinhos de um suíço confundiram a bandeira do Estado Islâmico com o logo da Jack Daniel's


Um homem, morador da cidade de Zurique, recebeu uma ameaça anônima após colocar uma bandeira da empresa de bebidas Jack Daniel’s em sua janela. De acordo com o Daily Mail , seus vizinhos confundiram o logo da marca de uísque com a bandeira do Estado Islâmico e acusaram o suíço de ser terrorista.

Leia também: Médicos acham pregos e facas em estômago de homem obcecado por comer metais

Descendente de italianos, o homem de 29 anos e sua namorada começaram a ser vigiados por "vizinhos preocupados", de acordo com o bilhete enviado para o endereço, e o caso ganhou notoriedade nacional. Acusado de ser um terrorista , o homem disse que pendurou a bandeira "porque gostou dela", porém, ficou chateado quando leu as ameaças.

Alguns
Creative Commons/Wikimedia
Alguns "vizinhos preocupados", como assinava uma das cartas recebidas pelo homem, confundiram as duas bandeiras



Em entrevista ao jornal suíço 20 Minuten , ele contou que tem planos para processar o responsável pela carta, já que o homem e sua namorada têm medo dos rumores estragarem a sua reputação na região. Os dois acabaram de se mudar para Zurique e, a partir de agora, não querem lidar com mais problemas.

Entretanto, mesmo após a grande confusão, o acusado não pretende retirar a bandeira da Jack Daniel’s de sua janela. Já que, se fizesse de outra forma, estaria provando que seus vizinhos estão certos em suas alegações, o descendente de italianos explicou.

Confusões inusitadas

Assim como no caso da bandeira da Jack Daniel's, outro caso envolvendo estranhas confusões fez sucesso na internet alguns meses atrás. Tudo começou quando o norueguês Johan Slattavik publicou a foto de um ônibus, com inúmeros bancos vazios, em um grupo norueguês racista do Facebook.

Um grupo racista confundiu uma foto com bancos de ônibus vazios com mulheres vestindo burcas
Reprodução/Facebook Sindre Beyer
Um grupo racista confundiu uma foto com bancos de ônibus vazios com mulheres vestindo burcas


Valendo-se da ilusão de ótica, ele já sabia que a imagem seria confundida com  mulheres usando burca (veste feminina que cobre todo o corpo), fato que desencadeou centenas de comentários xenofóbicos e fez a história repercutir no mundo todo.

Leia também: Em caso raríssimo, ovelha 'mutante' nasce com cinco patas e é salva do abate

O caso fez tanto sucesso quanto o do suposto " terrorista suíço" e, por causa disso, foi publicado em diversos perfis no Facebook. Em um deles, o internauta Ole Christian Apeland escreveu que a situação – as pessoas que foram enganadas – é engraçada, mas ao mesmo tempo, revela pensamentos discriminatórios que o deixam muito triste e assustado.

    Leia tudo sobre: Estado Islâmico
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.