Atacada por guaxinim mulher afoga animal em poça de lama para se salvar

Uma mulher foi surpreendida por um guaxinim raivoso e teve que tomar medidas drásticas para tentar se salvar; caso aconteceu nos Estados Unidos
Foto: Creative Commons
A mulher, sem opções, teve que afogar o guaxinim para tentar se salvar do ataque


A americana Rachel Borch, de 21 anos, estava caminhando em uma floresta nos arredores de sua casa – na cidade de Hope, estado do Maine, nos Estados Unidos – quando foi surpreendida por um guaxinim raivoso que apareceu bem na sua frente.

Leia também: Homem é salvo por bombeiros após ser 'engolido' por privada em busca de celular

guaxinim começou a mostrar os dentes para Borch, e segundo informações do portal Bangord Daily News , foi nessa hora que ela percebeu que, se não fizesse nada, o animal a morderia – e ela acabaria contraíndo raiva.

"Foi terrível, imagine o monstro da Tasmânia, pois foi bem assim que aconteceu“, ela relatou ao portal. 

Apesar de seus esforços, o animal conseguiu alcançar seu polegar, e sem opções, a jovem olhou ao seu redor para ter ideias de como se salvar na desesperadora situação.

Foto: Reprodução/BDN
Rachel Borch viu uma poça de lama ao seu lado e percebeu ali a chance de se livrar do guaxinim




Com o nível de adrenalina nas alturas, a solução encontrada por ela foi afogar o animal em uma poça de lama, e com muita determinação, ela conseguiu se livrar do mamífero .

Segundo o portal  NWI Times , Heidi Bloom, do Controle de Animais da Cidade de Hope, parabenizou a mulher por sua atitude.

Agora, Borch passa por tratamento e acompanhamento médico, já que foi exposta ao vírus da raiva.

Ataque marinho

Não só em terra firme, mas também nos mares, o reino animal pode se rebelar contra a humanidade e atacar pessoas de vez em quando.

No Canadá, um leão-marinho foi atraído para perto de um cais após turistas jogarem migalhas de pão ao mar. Os presentes filmavam a cena e se divertiam com a presença do mamífero, até que ele mostrou uma atitude pouco dócil.

Uma menina se ajoelhou para ver o animal mais de perto e em um primeiro momento ele salta em direção à garota, que recua assustada.  Mesmo com a atitude nada convencional do animal, os turistas continuaram a atraí-lo com migalhas de pão. O animal foi ficando cada vez mais próximo do cais sem demostrar medo dos humanos.

A garota, ao perceber a nova aproximação do animal sentou-se na ponta do cais e o leão-marinho puxou sua roupa e a jogou dentro da água.   Um dos familiares da criança, ao ver o "ataque", jogou-se na água e rapidamente retirou a garota e saiu. 

Assim como no caso do guaxinim, a vítima teve que passar por procedimentos médcos por ter contraído uma bactéria perigosa.

Leia também: Baratas invadem avião e passageiros entram em pânico no Paquistão

Link deste artigo: https://ultimosegundo.ig.com.br/mundo/mundo-insolito/2017-06-16/ataque-guaxinim.html