Presente foi deixado pelo magnata e colecionador de arte Robert Ellsworth, morto em agosto de 2014 aos 85 anos

Duas garçonetes da Donohue's Steak House ganharam uma gorjeta de R$ 50 mil cada
Reprodução
Duas garçonetes da Donohue's Steak House ganharam uma gorjeta de R$ 50 mil cada

Duas garçonetes da Donohue' Steak House, uma casa de carnes no Upper East Side, em Nova Iorque, ganharam recentemente uma gorjeta que vale por muitos e muitos anos de bom atendimento. O presente foi deixado pelo magnata e colecionador de arte Robert Ellsworth, que morreu em agosto de 2014 aos 85 anos segundo informações do New York Post .

LEIA TAMBÉM:  Cliente dá gorjeta de US$ 15 mil para três garçonetes nos EUA

Em seu testamento, Ellsworth pediu que US$ 50 mil, cerca de R$ 150 mil, fosse dado para cada uma das suas duas garçonetes prediletas, Maureen, 53 anos, e sua sobrinha, também chamada Maureen, 28 anos. O testamento do colecionador foi avaliado US$ 200 milhões quando da sua morte. 

"De oito refeições, sete ele comia aqui. Nós éramos a sua sala de jantar", disse Maureen Donohue-Peters. Ellsworth normalmente aparecia com seu assistente pessoal para o almoço e pedia um queijo grelhado com bacon. À noite, ele voltava com um amigo ou dois para comer um bife do lombo no jantar. Além disso, o magnata costumava beber um bourbon Jim Beam. Além disso, de acordo com os trabalhadores do estabelecimento, ele sempre deixava gorjeta de 20%. 

Fundada pelo pai de Maureen Donohue-Peters, o restaurante na Lexington Avenue perto de East 64th já serviu Timothy Dolan Cardinal, Bruce Springsteen, Tom Hanks e Matt Lauer. Ainda assim, Donohue-Peters disse que Ellsworth "era mais do que apenas um cliente. Eu o conhecia há 53 anos, toda a minha vida", disse ela.

Maureen Barrie, sua sobrinha, disse que a gratidão póstuma também a chocou. "Ele era um homem maravilhoso e um querido amigo", disse a garçonete.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.