China pretende acabar com performance de strippers em funerais

Por BBC Brasil | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Prática é comum em zonas rurais e visa a aumentar número de participantes em enterros; ministro da cultura condena dança

BBC

Autoridades chinesas querem pôr fim ao hábito de contratar strippers para animar funerais. O ministro da Cultura do país, Hung Meng-chi, divulgou um comunicado condenando a prática, que chamou de "pouco civilizada".

Leia todas as notícias do Mundo Insólito

Prática de contratar dançarinas exóticas é comum em zonas rurais do país e visa a aumentar número de participantes em enterros
Weibo
Prática de contratar dançarinas exóticas é comum em zonas rurais do país e visa a aumentar número de participantes em enterros

Ainda comum nas zonas rurais, a iniciativa consiste em convidar dançarinas exóticas para atrair mais participantes para os enterros, informou a agência de notícias estatal Xinhua.

Na nota, Hung citou dois exemplos recentes em que strippers foram convidadas a realizar "performances obscenas" ─ uma na província de Hebei, no norte da China, e outra na província de Jiangsu, no leste do país.

Em ambos os casos, organizadores e dançarinas foram punidos, informou o comunicado, acrescentando que a pasta trabalhará junto com a polícia para acabar com a prática.

Strippers são usadas para aumentar a participação em funerais porque grandes multidões são vistas como um símbolo de honra ao morto.

Autoridades já vêm tentando por fim ao hábito ─ aparentemente sem sucesso. Mas dessa vez, segundo a imprensa chinesa, estão determinadas.

"Ter performances exóticas dessa natureza em funerais lança luz sobre as armadilhas da vida moderna na China , em que vaidade e esnobismo prevalecem sobre tradições", diz a reportagem da Xinhua.

Nas redes sociais chinesas, no entanto, muitos usuários aparentaram desconhecer a prática.

"Eu realmente não entendo como isso pode ser moral", escreveu um usuário, enquanto outro brincou: "Strippers em funerais? Só pode ser brincadeira. Que tipo de tendência é essa?"

Leia tudo sobre: chinastripperfuneralmeng chihung

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas