Cerveja contaminada mata 69 em Moçambique

Por AP |

compartilhe

Tamanho do texto

Origem da contaminação é desconhecida, mas autoridades acreditam em envenenamento com bile de crocodilo

AP

O governo de Moçambique declarou três dias de luto a partir dessa segunda-feira após 69 pessoas morrerem ao beber cerveja em um funeral no fim de semana. Autoridades disseram que outras 196 pessoas estão internadas nos hospitais da região.

"As pessoas correram para o hospital, sofrendo de diarreia e dores musculares", disse o diretor de saúde. "Então corpos de vários bairros foram trazidos para o hospital, e isso nos alertou", finalizou.

Pombe, uma tradicional cerveja moçambicana, é feita de farinha de milho. A origem exata da contaminação ainda é desconhecida, mas as autoridades acreditam que a bebida foi envenenada com bile de crocodilo em um funeral no sábado. A polícia está investigando o incidente.

Sangue e amostras da tradicional cerveja foram enviados para a capital Maputo para serem testados, disse o diretor de saúde, Carle Mosse.

"Estamos aguardando os resultados dos testes das amostras que estão sendo feitos no Hospital Central de Maputo, para que possamos identificar o tipo do produto colocado na bebida", disse Mosse.

Leia tudo sobre: Moçambiquecrocodilomortecervejacontaminada

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas