Os membros da tripulação do voo AI021, que fazia a rota Nova Délhi-Calcutá, avistaram os redores pela cabine durante trajeto

O voo comercial AI021 da Air India que fazia a rota Nova Délhi-Calcutá foi forçado a aterrissar após membros da tripulação avistarem ratos ao redor da cabine, de acordo com o The Independent.

Tragédia: Avião médico cai na Índia e mata dez pessoas

Voo indiano aterrissou após equipe de bordo ter avistado vários roedores ao redor da cabine
Reprodução/Youtube
Voo indiano aterrissou após equipe de bordo ter avistado vários roedores ao redor da cabine


2010: Avião faz pouso de emergência em Calcutá após alerta de bomba

Após pousarem com segurança no Aeroporto Internacional Indira Gandhi, em Nova Délhi, os passageiros desembarcaram e o voo foi imediatamente retirado de serviço, de acordo com o Times of India. Em seguida, a aeronave teve de ser levada para dedetização.

"Os ratos a bordo de um avião podem provocar uma catástrofe se começam a roer os cabos elétricos", declarou um funcionário da companhia aérea que preferiu não se identificar. Ele foi citado pelo jornal indiano. "Se isso acontecer, o piloto pode perder o controle do sistema de bordo.”

A Air India não confirmou a informação, mas um funcionário disse que a presença de ratos nos aviões é normal em todo o mundo.

"Ratos seguem os furgões de comida até o avião, atraídos pelo cheiro dos alimentos, e permanecem ali", explicou.

Outro funcionário da Air India desmentiu o número de roedores encontrados, dizendo ao Wall Street Journal que apenas um rato foi descoberto no avião.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.