Piloto e passageiro não se feriram em acidente nos EUA; um pai morreu enquanto sua filha segue internada em estado grave

BBC

Um avião monomotor atingiu e matou um banhista ao fazer um pouso de emergência em uma praia da Flórida. O avião enviou um pedido de socorro na tarde de domingo e acabou fazendo o pouso na praia de Caspersen, ao sul do aeroporto municipal da ilha de Venice.

Leia mais notícias do Mundo Insólito

Autoridades locais foram verificar aeronave após pouso de emergência na praia
AP
Autoridades locais foram verificar aeronave após pouso de emergência na praia


Ao pousar, o monomotor atingiu Ommy Irizarry, de 36 anos, e a filha dele, Oceana, de 9 anos. Irizarry morreu no local e Oceana foi levada para um hospital local. Segundo a polícia, ela está em estado grave.

A aeronave, um Piper Cherokee, perdeu uma roda, teve uma asa danificada e amassou a hélice. O piloto, Karl Kokomoor, de 57 anos, e o passageiro, David Theen, de 60, não ficaram feridos.

O piloto do monomotor afirmou que estava tendo problemas com o avião, não conseguiria voltar para o aeroporto e tentaria pousar na praia de Caspersen.

Segundo a agência de notícias AP, autoridades locais disseram ao jornal Sarasota Herald-Tribune que Irizarry e sua filha foram atingidos pelo avião ou pelos destroços da aeronave.

"Ele pousou no limite da água", disse a porta-voz da polícia de Sarasota, Wendy Rose.

"O pai parecia muito mal", disse uma testemunha do acidente, Zack Arceneaux, à uma das afiliadas da rede CNN. "Eles (as equipes de socorro) estavam fazendo RCP (ressuscitação cardiopulmonar) nele. Ele tinha sangue no rosto. Parecia que não estava respirando."

As autoridades de aviação dos Estados Unidos estão investigando o acidente.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.