Felino, que polícia acredita que era mantido como animal de estimação por vizinho, deixou rastro de destruição

BBC

Uma família do Chile teve uma surpresa nada agradável ao acordar pela manhã e se deparar com um puma na cozinha de casa. Sem conseguir sair do local, o felino, de 2 anos, ficou agitado e deixou um rastro de destruição.

Leia mais notícias do Mundo Insólito

A polícia acredita que o puma era mantido como animal de estimação por algum vizinho e escapou do cativeiro ou foi solto.

A dona da casa, Amalin Haddad, conta que acordou para tomar café da manhã e, quando viu as patas do animal na cozinha, pensou que era um cachorro. O puma foi sedado e levado para um zoológico.

Assista ao vídeo:


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.