Dezenas de hóspedes permanecem retidos nesta quinta-feira em dois hotéis luxuosos da cidade indiana de Mumbai tomados na quarta-feira por milicianos islamitas que fizeram reféns estrangeiros, informaram as autoridades locais.

Entre 40 e 50 pessoas permanecem presas no Taj Mahal Hotel, onde são ouvidos tiros esporádicos, de acordo com o major R.R. Hooda, comandante do Exército nos estados de Maharashtra, Goa e Gujarat.

"Nesta zona há quatro ou cinco terroristas", declarou o militar à imprensa.

No hotel Trident não existe um número oficial de reféns, mas a imprensa afirma que sete ou oito pessoas permanecem sob poder dos terroristas.

Nos dois hotéis existe a possibilidade de reféns americanos, israelenses e canadenses.

phz/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.