Centenas de pessoas se reuniram neste sábado, na capital da ilha caribenha de Guadalupe, para acompanhar o velório do sindicalista Jacques Bino, morto na noite de terça-feira nos distúrbios gerados pela greve geral no departamento de ultramar francês.

O corpo de Bino foi velado no Palácio da Mutualidade, que se transformou na sede da greve geral, iniciada há um mês em protesto contra as péssimas condições de vida da população.

Junto ao caixão, a mulher e os filhos do sindicalista recebiam os cumprimentos das centenas de pessoas, que faziam fila para prestar sua última homenagem à vítima.

O funeral de Bino acontecerá no domingo, e será precedido de uma cerimônia religiosa em um estádio com capacidade para 800 pessoas.

A ex-candidata socialista às eleições presidenciais na França Segolène Royal, que deve chegar a Guadalupe na tarde deste sábado, anunciou que compareceria ao enterro.

jap/ap

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.