Mulher é condenada por desmembrar marido no Japão

TÓQUIO - Uma japonesa foi condenada a 15 anos de prisão por espancar seu marido até a morte com uma garrafa de vinho, cortar seu corpo em pedaços com uma serra e abandonar suas partes pela cidade de Tóquio.

AP |

A Corte do Distrito de Tóquio revelou o veredito de Kaori Mihashi, 33, nesta segunda-feira. Mihashi não apelou da decisão.

Os advogados de defesa disseram que ela não poderia ser condenada por um crime cometido em um momento de insanidade, mas a juíza Masaya Kawamoto rejeitou o argumento dizendo que a acusada tentou encobrir o crime.

"Uma vez que ela tentou encobrir o crime... é lógico concluir que ela deva ser condenada", disse a juíza à corte.

Mihashi espancou seu marido de 30 anos com uma garrafa de vinho no apartamento do casal em 2006 e cortou seu corpo em pedaços com uma serra. Sua cabeça foi encontrada num parque do subúrbio da cidade, enquanto seu torso foi descoberto num saco de lixo no centro de Tóquio.

Ainda que a tenha condenado, a juíza afirmou que Mihashi estava sob muito estresse por sofrer violência doméstica.

Saiba mais sobre: Japão

    Leia tudo sobre: japão

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG