Mulher de McCain revela que ganhou cerca de US$ 4,2 milhões em 2007

Washington, 18 out (EFE).- Cindy McCain, a milionária mulher do candidato republicano à Casa Branca, John McCain, publicou sua declaração de imposto de renda de 2007, na qual revela que ganhou cerca de US$ 4,2 milhões, informou o comitê de campanha.

EFE |

A mulher de McCain teve que pagar US$ 1,1 milhão em impostos, disseram fontes do comitê de campanha de seu marido, publicou hoje a imprensa local.

Além disso, ela deduziu de seus impostos quase US$ 530.000.

A renda de Cindy no ano fiscal de 2007 é quase US$ 2 milhões menor que a que declarou em 2006.

O comitê de campanha de McCain explicou que esta diminuição se deve aos investimentos que realizou em sua empresa familiar, a Hensley & Co.

Cindy McCain, herdeira de um grupo de distribuição de cerveja do Arizona, se mostrou reticente em divulgar sua declaração da renda no passado, o que a levou a receber críticas duras.

O argumento para obrigá-la a publicar suas informações fiscais era que a manutenção das mesmas escondidas coloca em dúvida o compromisso de seu marido de presidir os Estados Unidos com transparência.

Para Cindy, cuja fortuna, segundo cálculos, passa dos US$ 100 milhões, se tratava de "uma questão de respeito à intimidade", pois seu marido é o candidato e não ela. EFE cae/fal

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG