Mulher de McCain faz campanha pelo casamento gay

Washington, 21 jan (EFE).- Cindy McCain, mulher do ex-candidato à Presidência dos Estados Unidos John McCain, decidiu apoiar ao lado da filha uma campanha contra a chamada Proposição 8, aprovada na Califórnia e que impede o casamento entre pessoas do mesmo sexo.

EFE |

Cindy e Meghan McCain deixaram que sua imagem fosse usada na campanha e aparecem em cartazes e fotografias. Durante a corrida eleitoral de 2008, o candidato republicano, derrotado por Barack Obama, mostrou oposição à união gay.

A mulher e a filha de McCain aparecem na foto com uma fita tapando a boca e com o símbolo "NO H8" (Não à Proposição 8) pintado na bochecha.

A campanha, que começou há um ano e que contava já com o apoio de Meghan, apela para a mobilização contra a Proposição 8, a emenda aprovada em referendo na Califórnia que paralisou a concessão de licenças para casamentos homossexuais no estado.

O escritório de McCain emitiu um comunicado dizendo que o senador respeita as ideias dos membros da família, mas reafirma sua oposição às uniões homossexuais. EFE sid/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG