Mulher de Maradona perde bebê

Buenos Aires, 27 jan (EFE).- A esposa do técnico da seleção argentina, Diego Maradona, Verónica Ojeda, perdeu o bebê que o casal esperava, informaram hoje fontes do hospital onde foi atendida.

EFE |

Após passar mal, Ojeda foi ontem à noite à clínica Suíço-Argentina de Buenos Aires. Lá, depois de passar por exames, foi confirmado que sua gravidez foi interrompida no quarto mês, anunciou o médico que a tratou, Carlos Fabián Quiroga.

Maradona, que estava em San Juan, a 1.119 quilômetros de Buenos Aires, onde a seleção argentina jogou ontem contra a Costa Rica, imediatamente pegou um avião para a capital do país.

"(Maradona) está muito triste com o ocorrido, está muito mal", afirmou Quiroga.

O astro do futebol tem três filhos, Dalma e Gianina, de seu casamento com Claudia Villafañe, e Diego Sinagra, de 22 anos, não reconhecido por Maradona, apesar de a Justiça italiana ter confirmado sua paternidade. EFE ea/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG