A haitiana Marie Carida Roman, 84 anos, foi resgatada com vida nesta sexta-feira, após passar dez dias presa nos escombros da casa onde morava em Porto Príncipe, capital do Haiti.

AP
Haitiana de 84 anos foi resgatada com vida

Haitiana de 84 anos foi resgatada com vida

A haitiana foi retirada dos escombros por amigos e, em seguida, levada ao Hospital Geral de Porto Príncipe, onde recebeu soro e oxigênio.

"Estou tentando descobrir o que posso fazer para ajudá-la a viver. Ela teve o peito esmagado e tem muitas larvas pelo corpo", disse Ernest Benjamin, que trabalha no Mount Sinai Hospital de Nova York e se voluntariou para ir ao Haiti como socorrista. "Qualquer coisa vale a pena para tentar salvá-la", acrescentou.

Segundo o médico Vladimit Larouche, a mulher estava completamente desidratada. "Quando a trouxeram ela não se movia. Agora, ela já consegue mexer a mandíbula", afirmou.

O filho de Roman, um técnico de telefones de 58 anos que não quis se identificar, contou ter ouvido a mãe pedindo por socorro. "Eu a escutei chamando ontem (quinta-feira) entre 9h e 10h (hora local). Amigos do bairro ajudaram a retirá-la, apenas com nossas mãos", disse. "Conseguimos retirá-la na manhã de hoje (sexta) por volta das", acrescentou.

O terremoto de 7 graus na escala Richter aconteceu às 19h53 (Brasília) do dia 12 e teve epicentro a 15 quilômetros de Porto Príncipe. Segundo o primeiro-ministro do Haiti, Jean Max Bellerive, o número de mortos superará 100 mil.

Com AFP

Veja também:

Leia mais sobre terremoto

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.