Mugabe e Tsvangirai assinam acordo para iniciar diálogo no Zimbábue

O presidente do Zimbábue, Robert Mugabe, e o principal líder opositor, Morgan Tsvangirai, assinaram nesta segunda-feira, em Harare, um protocolo de acordo que abre caminho para negociar uma saída para a crise política no paíls.

AFP |

Ambos adversários, que não se encontravam em público desde que Tsvangirai fundou o Movimento pela Mudança Democrática (MDC, oposição) em 1999, não apertaram as mãos depois da assinatura.

Eles assinaram o documento que fixa a abertura de negociações na presença do presidente sul-africano, Thabo Mbeki, encarregado por seus colegas da África Austral para conduzir a mediação no Zimbábue.

"Este protocolo de acordo compromete as partes a um intenso programa de trabalho para finalizar as negociações o quanto antes possível", declarou Mbeki, sentado entre Mugabe e Tsvangirai.

Tsvangirai classificou de "oportunidade histórica" a assinatura do protocolo de acordo.

Está em jogo conseguir desbloquear a situação política no Zimbábue, paralizada desde o segundo turno das presidenciais de 27 de junho, onde o único candidato, Mugabe, foi reeleito em clima de violência e intimidação.

Sua vitória foi impugnada pela oposição e e o Ocidente.

gm-sn/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG