Espremida entre os restaurantes e bares da moda em Nova York, está a inusitada nova mostra do artista britânico Banksy. Em uma curiosa pet shop, em vez de peixes no aquário, barrinhas de peixe; no lugar de hamsters, cachorros-quentes.

Várias obras são mecanizadas e se movimentam como se estivessem vivas.

Como de costume, Banksy não apareceu para a abertura da mostra, e manteve o mistério sobre a sua identidade.

No entanto, em um e-mail, o artista revelou que a inspiração para a mostra foi ter visto um cão chihuahua com um colar de diamantes desfilar com sua dona em frente a um mendigo.

Na exposição nova-iorquina, Banksy ironiza a maneira como as pessoas tratam os seus animais de estimação. Por enquanto, nenhuma peça está à venda, mas obras anteriores de Banksy já foram vendidas por milhares de dólares.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.