Ministério do Desenvolvimento Social do país estima também que aproximadamente 20 mil pessoas estejam desabrigadas

As chuvas torrenciais e as inundações que assolam a África do Sul desde meados de dezembro já deixaram pelo menos 123 mortos, anunciou o governo nesta segunda-feira.

"Estima-se que há aproximadamente 20 mil desabrigados por esta catástrofe natural", declarou à AFP o porta-voz do ministério do Desenvolvimento social, Abram Phahlamohlaka.

O governo estima que as inundações causaram prejuízos estimados em pelo menos 356 milhões de rands (51 milhões de dólares).

As fortes chuvas também atingiram desde a metade de dezembro outros países africanos, como Botswana, Namíbia, Zâmbia e Zimbábue.

Em Moçambique, 10 pessoas morreram vítimas das inundações geradas pelas mesmas tempestades e outras 10 mil precisaram ser evacuadas.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.