Gustav no Haiti chegam a 59 - Mundo - iG" /

Mortos pelo furacão Gustav no Haiti chegam a 59

Porto Príncipe, 28 ago (EFE).- Pelo menos 59 pessoas morreram e sete desapareceram no Haiti por causa da passagem pelo país do furacão Gustav, agora transformado em tempestade tropical, segundo um novo balanço provisório apresentado hoje à Agência Efe pela Defesa Civil.

EFE |

Só no sudeste do Haiti, foram confirmadas 25 mortes, disse Alta Jean-Baptiste, diretora de Defesa Civil.

Essa região do país foi a mais afetada pelas inundações e pelos deslizamentos de terras provocados pelos fortes chuvas causadas pelo furacão "Gustav".

De acordo com a mesma fonte, duas pessoas desapareceram e 80 casas foram destruídas nessa região.

Outra área muito atingida foi a do oeste do Haiti, onde morreram 18 pessoas e três foram dadas como desaparecidas.

Já no departamento (estado) de Nippes (sul), uma pessoa desapareceu e 13 morreram.

A Defesa Civil também confirmou que um corpo foi encontrado em Cavaillon (sul) e que um segundo foi achado em Saint-Jean du Sur.

No departamento de Grand Anse (sudoeste), uma pessoa morreu, ao passo que, em outra região do sul do país, um homem está sumido.

Segundo a Defesa Civil, em todo o Haiti, há registros de 22 feridos.

A Missão das Nações Unidas para a Estabilização do Haiti (Minustah) informou, por outro lado, que deu apoio às autoridades por meio do Sistema Nacional de Gestão de Riscos e Desastres (SNGRD).

"Milhares de pessoas foram evacuadas em navios ou caminhões com a ajuda dos capacetes azuis", disse a força de paz em um comunicado.

EFE gp/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG