Mortos pela gripe na Costa Rica chegam a 31

San José, 19 ago (EFE).- Três pessoas morreram por causa da nova gripe na Costa Rica, o que elevou a 31 o número de mortos pelo vírus AH1N1 no país, informou hoje o Ministério da Saúde costarriquenho.

EFE |

As mortes mais recentes foram registradas nos últimos dez dias e se trata de três homens, um de 40 anos, outro de 30 e um mais de 79, informou a imprensa local.

Na Costa Rica foram confirmados 982 casos deste vírus, entre eles o do presidente, Óscar Arias, que esta semana voltou a trabalhar depois de se curar da doença.

As autoridades continuam aconselhando que as pessoas com sintomas da gripe não frequentem locais movimentados e vão a centros médicos caso tenham febre alta. EFE ns/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG