Morte de Kaczynski em acidente aéreo sacode a Polônia

Varsóvia, 10 abr (EFE).- A morte em acidente aéreo do presidente Lech Kaczynski, na queda do avião nas proximidades do aeroporto russo de Smolensk, sacudiu hoje a Polônia, o que levou o primeiro-ministro, Donald Tusk, a convocar de urgência o Governo.

EFE |

Desde que a morte do governante foi confirmada, centenas de cidadãos começaram uma peregrinação até a sede presidencial para depositar flores.

Tusk convocou os membros de seu Executivo, alguns dos quais estavam fora de Varsóvia, e entrou em contato com o presidente do Parlamento, Bronislaw Komorowski, como informou o porta-voz do Governo, Pawel Grass.

Pela Constituição polonesa, cabe a Komorowski, como chefe do Parlamento, assumir a Presidência interinamente.

Kacynski, de 60 anos e presidente polonês desde 2005, morreu em um acidente quando o avião onde viajava caiu perto de um aeroporto russo neste sábado. EFE gc-nt/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG