Morrem 61 rebeldes tâmeis e 15 soldados em combates no norte do Sri Lanka

Nova Délhi - Pelo menos 61 rebeldes tâmeis e 15 soldados cingaleses morreram em combates travados nas últimas horas em diferentes pontos do norte do Sri Lanka, informou hoje à Agência Efe uma fonte militar.

EFE |

No confrontou mais violento, 40 membros da guerrilha dos Tigres de Libertação da Pátria Tâmil (LTTE) perderam a vida ontem no distrito de Mannar (norte).

Durante esse combate, morreram dez soldados do Exército do Sri Lanka, onze sofreram ferimentos e outros três se encontram desaparecidos, acrescentou a fonte contatada por telefone.

A guerrilha tâmil aumentou o número de baixas nas fileiras cingalesas para 26 e reconheceu a morte de três rebeldes, segundo o portal na internet "Tamilnet".

Também ontem, outros 21 combatentes tâmeis e cinco militares morreram em choques que aconteceram nas regiões de Jaffna, Vavuniya e Welioya.

Leia mais sobre: Sri Lanka

    Leia tudo sobre: sri lanka

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG