Morre o ex-presidente do México Miguel de la Madrid

Líder do país entre 1982 e 1988 tinha 77 anos e estava internado havia meses por causa de um enfisema pulmonar

iG São Paulo |

AP
Então presidente do México, Miguel de la Madrid inaugura obra na capital mexicana em 13 de dezembro de 1985
O ex-presidente do México Miguel de la Madrid morreu neste domingo, aos 77 anos, em um hospital da Cidade do México.

De la Madrid, que governo o país de 1982 a 1988, estava internado havia meses por causa de um enfisema pulmonar.

O atual presidente mexicano, Felipe Calderón, comentou a notícia no Twitter.

"Lamento profundamente a morte do ex-presidente Miguel De La Madrid, que enfrentou tantas adversidades em seu mandato. Descanse em paz", escreveu.

Formado em Direito pela Universidade Nacional Autônoma do México e com pós-graduação em Harvard, De la Madrid enfrentou duras críticas por causa de problemas na economia e pela reação do governo ao terremoto de 1985, considerada lenta.

De la Madrid também foi titular da extinta secretaria de Programação Orçamentária (1978-1981), transformada posteriormente em ministério da Fazenda.

O corpo do ex-mandatário será velado nesta tarde na biblioteca de sua casa, localizada em Coyoacán, zona residencial do sul da capital mexicana.

Com EFE e AFP

    Leia tudo sobre: de la madridméxico

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG