Morre em Portugal, aos 115 anos, a mulher mais velha do mundo

Lisboa - A mulher mais velha do mundo, a portuguesa María de Jesus, morreu hoje aos 115 anos e 114 dias na cidade de Tomar (centro), informou uma pessoa da família.

EFE |

María de Jesus, que nasceu em 10 de setembro de 1883, morreu pouco depois das 8h (horário de Brasília) quando era conduzida em uma ambulância ao hospital de Tomar, devido a uma ligeira inflamação.

A anciã havia tomado café-da-amanhã bem, mas tinha "alguns problemas devido à idade", acrescentou a pessoa.

AE
Maria de Jesus
Maria de Jesus, que criou 6 filhos, tinha 11 netos, 16 bisnetos e 6 tataranetos


María de Jesús se tornou a mulher mais velha do mundo no dia 26 de novembro quando morreu a norte-americana Edna Parker, de 115 anos e 120 dias, segundo a lista divulgada por Stephen Coles, médico americano especialista em gerontologia que baseia seus estudos em certificados de nascimento oficiais.

A anciã, que vivia na aldeia de Corujo, cerca de 150 quilômetros de Lisboa, se deslocava em cadeira de rodas e tinha alguns problemas de audição.

María de Jesús criou seis filhos, tinha 11 netos, 16 bisnetos e seis tataranetos, muitos deles espalhados por diferentes partes de Portugal e do exterior.

    Leia tudo sobre: mulheres

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG