O guitarrista Les Paul, pioneiro no desenvolvimento da guitarra elétrica, faleceu nesta quinta-feira, aos 94 anos, anunciou seu agente.

"Paul morreu hoje em consequência de complicações de uma severa pneumonia em White Plains (Estado de Nova York), cercado por seus familiares", confirmou um comunicado do fabricante de guitarras Gibson.

Polsfuss Lester William nasceu em Waukesha, Wisconsin (norte), em 19 de junho de 1915, e foi um prodigioso guitarrista desde a infância, deixando a escola aos 17 anos para tocar na banda Sunny Joe Wolverton.

Pouco depois, Paul era um dos mais procurados guitarristas do país e tocou com grandes músicos, como Nat King Cole e Louis Armstrong.

Com Mary Ford, que foi sua esposa entre 1949 e 1962, conquistou 36 discos de ouro e emplacou inúmeras músicas no primeiro lugar das paradas, incluindo "How high the moon", "Vaya con Dios e "Nola"".

Inventor de um dos modelos de guitarra mais famosos do mundo, Paul foi considerado um dos mais influentes músicos do século XX.

O instrumento que criou se tornou peça fundamental de trabalho de muitos dos grandes ídolos do rock.

"Não era só um dos maiores inovadores do mundo, mas criou uma verdadeira lenda, inspirou e contribuiu para o sucesso de músicos de todo o mundo", disse Dave Berryman, presidente da Gibson Guitar.

Durante a II Guerra Mundial, entrou para o Exército americano, mas foi autorizado a permanecer na Califórnia, onde deu vários concertos para os rádios das Forças Armadas.

Paul inventou, além disso, a técnica de gravação multitrilhas, que permite gravar uma parte da música e sobrepor outras interpretadas pelo mesmo músico.

ltl/cn-fb/LR

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.