Washington, 8 jan (EFE).- Catherine Eugenia Jean Finnegan Biden, mãe do vice-presidente dos Estados Unidos, Joseph Biden, e que seguiu na primeira linha a campanha presidencial em 2008, morreu hoje aos 92 anos de idade.

O próprio vice-presidente, que ontem deixou Washington para ficar perto de sua mãe, informou hoje da morte em comunicado.

"Aos 92 anos ela era o centro de nossa família e ensinou a todos seus filhos que a família é algo que é preciso entesourar, que a lealdade é uma coisa suprema e que a fé será nossa guia nos tempos mais difíceis", diz o comunicado.

"Ela acreditava em nós e por isso nós acreditamos em nós mesmos", disse Biden, que perdeu seu pai em 2002.

Catherine Biden ficou conhecida do público americano durante os últimos meses da campanha eleitoral, quando o então candidato Barack Obama escolheu seu filho para acompanhá-lo na disputa. EFE pgp/ma

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.