Morre a gata de Downing Street

A gata Sybil, que chegou a Downing Street há dois anos, após a saída do ministro das Finanças Gordon Brown, morreu esta semana, indicou a porta-voz de seu dono.

AFP |

A gatinha branca e preta se mudou para a famosa rua do governo britânico em junho de 2007, quando Alistair Darling recebeu a pasta e ocupou o apartamento correspondente logo ao lado do número 10, a residência do primeiro-ministro.

A porta-voz de Darling confirmou a morte de Sybil -assim chamada em homenagem a uma das protagonistas da popular série de televisão britânica dos anos 1970 "Fawlty Towers".

Sybil, cuja chegada a Downing Street foi seguida dias depois pela quebra do banco Northern Rock, primeira vítima da crise bancária na Grã-Bretanha, nunca se adaptou à sua nova vida e, em fevereiro deste ano, foi transferida de volta para a Escócia, onde morava com amigos dos Darling.

"Adeus ao gato original do Novo Trabalhismo", escreveu nesta quarta-feira o jornal The Independent, indicando que ela foi o único gato de Downing Street desde o governo de Tony Blair.

O gato anterior foi Humphrey, que chegou ao número 10 quando Margaret Thatcher era primeira-ministra e por lá ficou durante todo o governo de John Major, mas desapareceu pouco depois da chegada dos Blair.

O desaparecimento desatou rumores dos mais diversos gêneros, levando inclusive o assessor de imprensa de Blair a chamar os fotógrafos para mostrar-lhes que o gato tinha uma nova casa e estava bem. O famoso Humphrey morreu em 2006.

ra/lm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG