Morales recebe medicação contra a gripe

La Paz, 31 ago (EFE).- O presidente da Bolívia, Evo Morales, receberá durante dez dias uma dose diária do medicamento contra a gripe A, informou hoje uma fonte oficial.

EFE |

O tratamento, que é preventivo, foi decidido depois que o Governo da Colômbia confirmou que o presidente Álvaro Uribe está com a doença.

O chefe do Departamento de Epidemiologia da Bolívia, Eddy Martínez, disse à Efe que Morales não apresenta sintomas da nova gripe. Mas, por precaução, pelos próximos dez dias tomará uma cápsula de Tamiflu a cada 24 horas.

"O mais importante é seu estado de saúde. O presidente está assintomático, não apresenta nenhum problema agora (...). De todas as formas, ele está recebendo a medicação por profilaxia, ou seja, para evitar uma infecção", afirmou Martínez.

O Governo da Colômbia informou ontem que Uribe começou a se sentir mal na sexta-feira, que voltou a Bogotá depois de participar da cúpula extraordinária da União de Nações Sul-americanas (Unasul) realizada em Bariloche, na Argentina.

A Presidência colombiana disse que, pelos devidos canais diplomáticos, comunicou a doença de Uribe às delegações que participaram do encontro da Unasul.

Até o momento, na Bolívia foram registrados 1.400 casos da doença e 21 mortes pelo vírus AH1N1. EFE gb/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG