problemas do mundo - Mundo - iG" /

Morales quer visitar Fidel para falar sobre problemas do mundo

La Paz, 24 fev (EFE).- O presidente da Bolívia, Evo Morales, afirmou hoje que quer visitar Fidel Castro em Cuba para conversar sobre os problemas do mundo.

EFE |

"A qualquer momento estarei lá em Cuba para poder conversar sobre os problemas e reflexões de todo o mundo", assegurou Morales em um programa de rádio que durou seis horas e meia.

Após destacar que Cuba é um "símbolo da solidariedade" com os povos do mundo, o presidente da Bolívia aproveitou para elogiar a figura de Fidel Castro e assegurou que seu esforço e o de seu povo "não foram em vão".

"Bolívia e Cuba não estão sozinhas neste processo revolucionário contemporâneo", ressaltou.

Morales reiterou que Castro, Che Guevara e a revolução cubana foram sua inspiração para impulsionar uma "revolução democrática e cultural" em território boliviano.

Segundo ele, "tudo teria sido diferente no país se houvesse um Che aqui".

O ex-presidente cubano Fidel Castro, de 82 anos, não aparece em público desde julho de 2006 em razão de uma doença. Os problemas de saúde fizeram com que ele passasse a Presidência ao seu irmão Raúl.

A última viagem de Morales a Cuba foi em maio do ano passado, quando se reuniu com Raúl e também viu Fidel. Desde que ganhou as eleições presidenciais da Bolívia, em dezembro de 2005, ele visitou Cuba seis vezes. EFE sam/dp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG