Morales pede que EUA suspendam embargo a Cuba se quiser fazer história

La Paz, 4 jun (EFE).- O presidente da Bolívia, Evo Morales, comemorou hoje a decisão da Organização dos Estados Americanos (OEA) de revogar a suspensão a Cuba imposta em 1962 e pediu que os Estados Unidos, se quiser fazer história de verdade, suspenda o embargo econômico ao país caribenho.

EFE |

"Ainda pressinto que, se de verdade os EUA quiserem fazer história, (...) tem que levantar o bloqueio econômico à república irmã de Cuba", afirmou Morales, em discurso pronunciado na zona central de Chapare.

Na quarta-feira, na 39ª Assembleia Geral da OEA, os chanceleres dos 34 países ratificaram por "aclamação" a resolução que revoga a suspensão a Cuba e deixa nas mãos de Havana a decisão de voltar a este organismo internacional. EFE lav/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG