Morales pede a Obama condenação ao atentado contra seu governo

O presidente boliviano Evo Morales pediu neste sábado ao colega dos Estados Unidos, Barack Obama, que condene o atentado contra seu governo que, segundo ele, foi executado por setores da direita.

AFP |

"Pedi que se pronuncie sobre este grave atentado desbaratado na quinta-feira na cidade de Santa Cruz", disse Morales em uma entrevista coletiva após a reunião de Obama com os demais 12 chefes de Estado da União Sul-Americana (Unasul), à margem da V Cúpula das Américas, em Trinidad e Tobago.

"Está nas mãos do governo dos Estados Unidos melhorar as relações com a Bolívia", afirmou o presidente boliviano.

A polícia da Bolívia matou na quinta-feira três homens em um hotel de Santa Cruz, acusados pelo governo de terrorismo e de pretender assassinar Morales, o vice-presidente Alvaro Garcia e o governador opositor de Santa Cruz, Rubén Costas.

hov/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG