o poder do povo - Mundo - iG" /

Morales diz que governa com o poder do povo

La Paz, 14 ago (EFE) - O presidente da Bolívia, Evo Morales, destacou hoje que conta com o poder do povo para governar, e não só o dos movimentos sociais, após ter sido ratificado no cargo por quase 68% dos eleitores. Morales se referiu ao assunto durante um discurso pronunciado na cidade amazônica de Trinidad, capital do departamento de Beni, pouco antes de partir para a capital paraguaia, onde participará amanhã da posse presidencial do ex-bispo Fernando Lugo. O governante, que participou de um ato para lembrar o 18º aniversário de uma passeata de indígenas da Amazônia que pedia uma Assembléia Constituinte, agradeceu aos índios pelo apoio no referendo de domingo. Nessa consulta, os bolivianos se pronunciaram sobre se deviam permanecer nos cargos Morales, o vice-presidente, Álvaro García Linera e oito governadores regionais. Segundo os últimos dados da Corte Nacional Eleitoral (CNE), correspondentes a 96,3% dos votos, a permanência de Morales e García Linera foi respaldada por 67,8%, frente a pouco mais de 32% que desejavam a revogação do mandato de ambos. Morales destacou que esse apoio, que é igual a 2.057.

EFE |

307 votos, frente a 976.401 votos negativos, não tem precedentes na história política boliviana, porque, disse, nenhum presidente alcançou antes um milhão de votos.

"Agora podemos dizer que temos o poder do povo", disse Morales ao destacar que tem não apenas o apoio dos movimentos sociais, mas de outros setores da sociedade boliviana. EFE ja/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG