La Paz, 23 jul (EFE).- O presidente da Bolívia, Evo Morales, advertiu hoje que a situação em Honduras pode gerar uma luta armada, por isso reivindicou a renúncia dos golpistas como única alternativa para o país centro-americano.

EFE sam/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.